Homepage

  • Teresa e Carol destacam-se em Pantín
    04 enero 2017
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    WSL
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Na prova masculina apenas dois portugueses estiveram em ação, sendo que tiveram sortes diferentes.
  • O braço feminino da armada lusa teve um grande dia de estreia na Galiza, onde decorre até domingo o Pantín Classic Galicia Pro, um evento com o estatuto QS6000. 

    Nas duas rondas realizadas o maior destaque vai para Teresa Bonvalot. Sobretudo pelo seu segundo heat do dia, onde venceu a bateria e bateu uma rookie do WWT, carimbando assim a passagem à 3.ª ronda, tal como Carol Henrique.

    No primeiro heat do dia Teresa havia estado em ação juntamente com Camilla Kemp e abas garantiram a qualificação, deixando para trás a brasileira Karol Ribeiro e a australiana Sophia Bernard. Ambas juntaram-se a Carol Henrique na 2.ª ronda, uma vez que a atual campeã nacional entrou direto para esta fase, graças ao seu seeding.

    Teresa voltou a abrir a 2.ª ronda. Com um mar complicado e que não permitia pontuações altas, a jovem surfista portuguesa conseguiu 11,44 pontos, os mesmos que Keely Andrew, mas com a diferença de ter feito a melhor nota entre ambas. Pelo caminho ficou a japonesa Reika Noro e a norte-americana Tia Blanco.

    No heat seguinte Camilla Kemp esteve em bom plano, somando 12,20 pontos, mas acabaria por ser eliminada pela ausraliana Philippa Anderson (14,67 pontos) e pela havaiana Mahina Maeda (12,66). Camilla terminava assim a sua prestação na prova espanhola no 25.º posto.

    Faltava ainda entrar em cena Carol Henrique, que também esteve em bom plano. Num heat vencido pela brasileira e ex-top do WWT Silvana Lima, com 11,27 pontos, Carol ficou no 2.º posto, graças aos 10,36 pontos amealhados. Pelo caminho ficaram as francesas Kim Veteau (9,16) e Maud Le Car (4,87).

    Agora, na próxima ronda, Teresa vai estar novamente no heat inaugural, lutando frente à havaiana Mahina Maeda e à australiana ex-top do WWT Dimity Stoyle por uma das duas vagas que dão acesso à fase seguinte. Já Carol surge no heat 4 e tem pela frente a francesa Tessa Thyssen e a australiana Georgia Fish.

    Os homens também estiveram em ação neste dia inaugural, mas apenas se realizaram 12 dos 24 heats da primeira ronda. Dessa forma, apenas dois portugueses estiveram em ação, tendo sortes distintas. Tomás Fernandes seguiu em frente e José Ferreira foi eliminado.

    Tomás foi dos poucos surfistas que ao longo do dia conseguiu fazer scores médios, terminando a sua prestação com uma vitória no heat 9, com 10,30 pontos, deixando o havaiano Torrey Meister (10,03) na 2.ª posição. O brasileiro Thiago Guimarães e o havaiano Makai McNamara foram eliminados.

    Já Zé somou apenas 5,30 pontos ficando em 4.º e último lugar de um heat onde enfrentou uma tripla sul-africana. A vitória sorriu a Michael February (12,23), com Matthew McGillivray (11,50) a também conseguir a qualificação. Pelo caminho, juntamente com o português, ficou David van Zyl (6,77).

    Nesta ronda ainda faltam entrar em ação Miguel Blanco (heat 17), Malon Lipke (19) e Nic von Rupp (24). Já Tomás Fernandes juntou-se a Pedro Henrique, Vasco Ribeiro e Frederico Morais, trio de surfistas nacionais que entraram diretamente para a 2.ª ronda, por serem top seeds.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Pantin Classic Galicia Pro
  • wqs
  • Teresa Bonlavot
  • Carol Henrique
  • Tomás Fernandes
  • Fotografia
    WSL
  • Fonte
    Redação
pub
similar News
similar
marzo 23
Increíbles playas de 15 kilómetros de Lisboa
marzo 13
Sagres - Una Guía Turística
marzo 03
Surf en Portugal
febrero 21
Surf en la Costa Vicentina
enero 05
A Bodysurf Ride está de volta
enero 05
Nazare en imáges
enero 05
Highlights de la Surf Summit